Brasil: Oportunidade de emprego para portugueses

No Brasil são formados todos os anos 30 mil engenheiros. No entanto, actualmente, necessitam de mais de 100 mil. Este deficit de engenheiros tem sido agravado com dois grandes acontecimentos desportivos que se avizinham, nomeadamente o Campeonato do Mundo de Futebol em 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016. Daí que estejam a surgir cada vez mais oportunidades de emprego para portugueses do outro lado do Atlântico.

A língua assim como as boas relações entre Portugal e o Brasil permitem que os portugueses tenham vantagens em relação às restantes nacionalidades. O embaixador de Portugal em Brasília tem estado activo com sucessivas reuniões com vista a acelerar o processo de exportação e aumentar o número de protocolos em diferentes áreas.

Numa altura em que o sector da construção encontra-se estagnado em Portugal, esta pode ser uma boa oportunidade para jovens engenheiros.

Actualmente estão a trabalhar no Brasil 1445 engenheiros portugueses (dados do CONFEA – Conselho Federal de Engenharia, Arquitectura e Agronomia), porém este número é maior porque existem muitos engenheiros que trabalham no Brasil mas não estão inscritos nesta entidade.

Depois de Angola será este o novo destino dos engenheiros civis portugueses?

43 comments

  1. […] engenheiros civis portugueses trabalharem têm sido África e Europa de Leste. Porém, como já foi aqui abordado, o Brasil tem surgido como o novo destino dos portugueses. As empresas do norte da Europa […]

    • Sérgio Ferrão diz:

      Acabei recentemente o mestrado de Eng. Civil na Universidade Nova de Lisboa. Gostaria de saber se o curso é reconhecido no brasil e qual a melhor maneira de arranjar emprego ???

      • Daniel Sousa diz:

        Também estou muito interessado nisso! Se souberes de alguma coisa comunica. Terminei na FEUP em Março e até agora está muito complicado por cá!

  2. Luis Filipe diz:

    Muito se fala no Brasil como destino feliz para os engenheiros portugueses. Eu próprio, desempregado há quase 6 meses, passei 3 meses a responder a anúncios de empresas brasileiras pedindo engenheiros civis. Respostas? Nem uma!!! Ciente que o assunto deve ser resolvido – ou pelo menos reconhecido – no terreno, comprei um bilhete de avião e passei uma semana no Brasil.
    Apenas consegui obter o CPF (nº de contribuinte) e mesmo assim, por ter lá familia e por poder dispor lá de um endereço!! De resto, a burocracia é no minimo dez vezes superior à de cá!!
    Um apelo: Algum colega e conterrâneo que esteja a trabalhar no Brasil, poderá dar-nos umas “dicas”?
    Agradecidos ficamos!

    • Nilson diz:

      Olá amigo
      eu sou Brasileiro ms tirei o curso de engenharia em portugal e ai fui muito ajudado se voce precisa de alguma coisa me contate se quer vir trabalhar para o Brasil mais propriamente Pernambuco

      • Nuno diz:

        Boa tarde

        Vinha perguntar aonde é que tirou o curso em portugal e como é que teve equivalencia do mesmo no brasil para poder exercer a profissão no brasil.

        sem mais, cumps

      • Nilson diz:

        Bom dia amigo
        Tirei o curso no IST de Lisboa, você para obter a equivalência do curso aqui no Brasil tem que trazer o diploma e o certificado das disciplinas e carga horária, devidamente reconhecida pela instituição onde tirou o curso e autenticá-la no consulado do Brasil ai em Portugal e depois tem que dar entrada aqui numa universidade federal que tenha o mesmo curso.
        Para mais esclarecimentos pode mandar email direto para juranilsonramos@hotmail.com, terei todo prazer em o ajudar.
        Um abraço

        • Nuno Lopes diz:

          Olá Nilson

          Eu tirei o curso de engenharia civil no instituto politecnico de Leiria. e como o mercado da construção em Portugal está completamente parado, estou a virar-me para outros mercados, nomeadamente para o brasil, devido à facilidade linguistica(que não é necessárimente um problema), pois também falo Inglês, e também a identificar-me muito com o Brasil e com os brasileiros.
          Com que facilidade é que consigo arranjar trabalho no Brasil como engenheiro civil, e o meu curso é reconhecido aí? tenho a licenciatura de bolonha em eng civil.Poderá ajudar-me nestas questões?

        • Maria Elisa Moreira diz:

          Exm.º Senhor:
          Pela informação em cima prestada para o curso de engenharia civil, gostaria de saber como puder obter equivalência respeitante ao curso de Arquitectura, aí no Brasil. Meu filho tem licenciatura com mestrado integrado em arquitectura, pela Universidade de Coimbra, no entanto ele já esteve no Brasil, mas não lhe foi reconhecido o grau académico como arquitecto. Caso que o levou a viajar para angola. Mas o que ele quer mesmo, é puder trabalhar no Brasil. Como proceder?
          Agradeço informação.

        • Juliane diz:

          Olá Nilson,

          Acompanhei os comentários sobre emprego. Sou brasileira, estou formada em engenharia civil desde agosto e não tenho conseguido emprego. Sabe de alguma oportunidade? Independente do lugar.

          Obrigada

      • inês diz:

        Oi Nilson,
        Eu e meu marido, somos portugueses, temos 31 anos e estamos procurando emprego em engenharia civil aí no Brasil. Meu marido, tal como você, também tirou o curso no IST. Eu tirei na Universidade Nova de Lisboa. Gostávamos muito de ir para aí, porque para além de em Portugal a nossa área estar em crise, também conhecemos o Brasil e gostamos muito do país e dos brasileiros. Se nos puder dar algumas dicas, ficamos muito agradecidos. Obrigada! Inês

        • Nilson diz:

          Oi Ines
          pessa ao seu marido para me contatar pelo email juranilsonramos@hotmail.com ai conversamos melhor terei todo gosto em vos ajudar
          um abraço

          • Nuno diz:

            Ola Nilson,

            Gostaria que me esclarecesses algumas questoes..

            Eu terminei em 2011 o Mestrado Integrado em Engenharia Civil na Universidade do Minho e gostava muito de trabalhar aí no Brasil, visto que o mercado aqui em Portugal, está estagnado!

            Queria saber se o meu Diploma é reconhecido aí no Brasil, visto que já ouvi histórias de Engenheiros que lhe demoraram cerca de 2 anos para lhe reconhecerem o Diploma!

            Quais são as questões burocráticas a tratar para ir trabalhar aí para o Brasil?

            Cumprimentos,

            Nuno

      • jorge silva diz:

        ola adorava mesmo ir trabalhar para ai tenho namorada ja tive ai mas e complicado arranjar trabalho para ter visto dai dei muitas voltas ja tive ai a uma semana traz e sem sucesso sera q me pode ajudar obrigada sou pintor coonstrucao civil no momento tou na suica sou portugues quero viver ai junto com mulher q amo agradeco uma resposta obrigada

      • abilio diz:

        bom dia
        estou no brasil
        em minas gerais , campanario
        sou pedreiro e gostava de ajuda
        faso muito mais coisas
        tudo em construcao
        obrigado

      • NMocito diz:

        Olá Nilson

        Tal como o nosso colega Nuno Lopes, também conclui a licenciatura em engenharia civil, pelo processo de Bolonha, no Instituito Politecnico de Portalegre, e tal como tantos jovens recém licenciados procuramos o nosso 1º emprego na área e Portugal parou, temos de nos virar para outros destinos.
        A minha pergunta é a mesma do Nuno Lopes, o nosso curso é reconhecido no Brasil? Como é o mercado de trabalho aí para nós?

      • renata diz:

        oi nilson sou brasilera casada com portugues que trabalha na construçao civil aqui esta dificil sei que ha ai empresas portuguesas como teixeira duarte entre outras poderas me ajudar sou de pernabuco tambem aguardo oubrigado

    • Jéferson R. Pereira diz:

      Luis Felipe,

      Somos da empresa JR Pereira & Cia Ltda, e temos uma vaga para engenheiro Civil, caso você tenha interesse ou conheça alguém que queira trabalhar aqui por favor nos informe. Nossa matriz está situada na cidade de Candiota, Rio Grande do Sul, Brasil, nosso e-mail já lhe foi informado caso queira entrar em contato.

      Jéferson

      • José Coelho diz:

        Posso concorrer também. Sou eng técnico civil

        • Daniel Sousa diz:

          Estou também interessado, terminei o curso na FEUP, mas aqui em Portugal parou a construção! Ajudem-nos amigos brasileiros, aqui em Portugal,ninguém arranja nada como Engenheiro Civil neste momento.

  3. pedro diz:

    Ola pessoal eu gostaria de saber se sabem de algum trabalho na area de higiene e segurança no trabalho para o brasil mais detalhadament para fortaleza?
    se alguem souber alguma coisa avisem

  4. Luis Mateus diz:

    Ola pessoal, Tenho a licenciatura em engenharia civil, terminada em 2011. Mas já trabalho na construção à 6 anos, nomeadamente em medições, orçamentação e preparação de obras, na empresa Teixeira Duarte. Tanto em obras de construção civil com em Obras públicas. Estou muito interessado em ir trabalhar no Brasil, claro que gostava de o fazer como Engenheiro. Será que tenho alguma hipotese? será que devo ir pagar os certificados das disciplinas e cargas horárias, e iniciar o processo de equivalencias? estou com duvidas , porque como não tenho experiência como Engenheiro, pode-se tornar dificil encontrar trabalho no Brasil. Agradeço comentários

  5. Sandra Belo diz:

    OLa,

    Gostaria de saber se alguem tem contatos na area da engenharia do ambiente no brasil.
    Obrigado

  6. António Campos diz:

    Tenho o curso de especialização tecnológica de condução de obra nivel 5, 35 anos de experiência em obras, fiscalização, medições e orçamentos! O que pose valer um técnico com estas características no Brasil?

  7. António Silva diz:

    Tenho mais de 10 anos de experiência em Autocad e sempre trabalhei como desenhador. Mestrado em Arquitectura há 3anos e procuro emprego no Brasil. Não vejo uma saída; por mais tentativas que faço não tenho feedback.
    Como conseguir um emprego na minha área?

  8. catarina diz:

    Bom dia,
    Gostaria de saber se alguém tem contactos para Gestão Hoteleira no Brasil. Eu e o meu namorado gostariamos de nos mudar para o Brasil…eu sou de Direcção e Gestão Hoteleira…tendo feito parte do meu curso na University of Central Florida e o meu namorado tem o curso de Engenharia Civil. Creio serem áreas em forte expansão no Brasil mas faltam-nos contactos. oObrigada,

    Catarina

  9. Márcia Pereira diz:

    Prezados,

    Minha situação é um tanto diferente, porém não mais complicada.
    Sou Ergonomista especializada pela COPPE/UFRJ, brasileria, do Rio de Janeiro, e estou em Portugal finalizando o Mestrado em Ergonomia na FMH/UTL. Este diploma me dá, além de Ergonomista, o título de Técnica Superior de Saúde e Segurança do Trabalho nível III. Ao mesmo tempo, iniciarei em setembro próximo uma especialização em Técnico Superios de Saúde e Segurança nível VI.
    Ouvi dizer que tais diplomas, em conjunto, me permitiriam equivalência em Engenharia de Segurança do Trabalho no Brasil.
    Minha questão é: consigo mesmo esta equivalência? Como e aonde proceder com tal equivalência?
    Agradeço desde já a atenção.

    • Rafael diz:

      Não tenho certeza, mas você pede tirar essa duvida no crea coselho de engenheiros aqui no brasil e no ministério do trabalho e emprego.
      Eu estou cursando técnico de saúde e segurança do trabalho e estou pensando em fazer a engenharia em portugal estou atraz da respsta também se eu obter agulma resposta vouto á falar contigo, boa sorte.

  10. ana diz:

    Tirei o curso de tecnico de higiene e segurancano trabalho e Ambiente nivel III em portugal e de acordo com o que ja li, o curso de Higiene e seguranca no trabalho no brasil nao tem niveis, e tambem tem um carga horaria muito menor… alguem me sabe dizer como a equivalencia vai ser feita, dado que nao existem os niveis?
    obrigada

  11. Tânia Rodrigues diz:

    Olá.
    Sou licenciada em Ciências da Educação desde 2010 e gostaria de ir trabalhar para o Brasil.
    Alguém me pode ajudar?

    Obrigada.
    Tãnia

  12. Emanuel Pontes diz:

    Gostaria de saber se alguem tem contatos na area da engenharia informatica no brasil.
    Obrigado

  13. jorge amandio diz:

    ola sou portugues nao tenho cursos dehuns penas procuro um trabalho no brasil gostava que foçe perto de orlandia pois la tenho que me de casa para viver eu tenho trbalhado na aria de mecanica e pinturas de maquinas agriculas e manutensao das mesmas maquinas agriculas se soberem de algo porfavor me digao meu mail e romantico_triste@hotmail.com

  14. antonio vaz diz:

    olá. sou técnico de saude e segurança do trabalho nível iv tirado em portugal. cheguei ao brasil ha 15 dias (a 10 de novembro de 2012) – estou no rio de janeiro mas nao me importo de me deslocar para onde houver oferta de trabalho. tambem, tenho ingles fluente (residi nos eua mais de 10 anos). procuro trabalho como técnico de sst ou mesmo intérprete. a quem interessar deixo o meu email: antoniosilvavaz@hotmail.com

    abraços

  15. vania diz:

    ola eu sou portuguesa e gostava de ir trabalhar para o brasil só que não conheço ninguem que me possa ajudar aqui tenho uma confeção de vestuario mas está muito mau e o meu marido é mecanico de maquinas industriais sera que há alguma opurtinidade para nós?

  16. Carlos diz:

    Tenho 49 anos, profissional da engenharia civil há 25 anos sem curso concluido no IST, mas finalista ( 5º ano ), bacharel pelo ISEL em 2003 e licenciado pelo IST em 2008. Tenho toda a parte curricular do Mestrado concluída, falta-me a dissertação.
    Com este percurso acabo por ter de momento 96 das 120 ECTS necessárias para o Mestrado no perfil de estruturas.
    Encontro-me desempregado e preciso urgentemente de arranjar trabalho.

    Gostaria de saber se algum assistente deste blogue conhece ou necessita de projetista ou director de obra, mesmo no brasil.
    Por fim, se os Universidades Federais estão a validar o diploma de Bacharel. Conhecem algum caso de sucesso ou insucesso?

    Mto obrigado

  17. Daniel Sousa diz:

    Boa Noite pessoal. Tenho 24 anos e acabei recentemente o Mestrado em Engenharia Civil na FEUP – Especialização em Geotecnia e estou à procura do meu primeiro emprego ou estágio profissional.

    Gostaria imenso de ir trabalhar para o Brasil. Agradeço toda a ajuda que me possam dar.

    Deixo aqui o meu email : danieljoao.csousa@gmail.com

  18. LUCIANA PEREIRA diz:

    olá pessoal… meu marido é português e eu sou brasileira… estamos casados há 3 anos e já demos entrada no visto dele, aqui em Lisboa. Estive no Brasil em maio… mas na minha área, sou formada em turismo… o salários estão muito baixos (sou de SP)… ficava impossível eu conseguir alugar um apto ganhando 1000 reais, ou 1500 reais…. sendo que em SP a média dos aluguéis é de 1000 reais, tirando condomínios e outros gastos. Fui sozinha e meu marido iria agora em setembro. Acabei retornando a Portugal, pois aqui eu tinha emprego garantido… mas ele continua aqui desempregado, portanto não abandonamos a ideia de viver no Brasil. Ele é formado em Engenharia Ambiental e terá visto de residência no Brasil (já demos entrada nos documentos no consulado e estamos aguardando). Se alguém souber de alguma vaga na área dele e puder ajudar-nos.. pode ser em qualquer região do Brasil. Aqui em Portugal ele tem tentado de tudo… não apenas na área dele… mas não tem conseguido nenhuma oportunidade de trabalho, infelizmente.
    Obrigada e no que eu puder ajudar tb…. estou a disposição!

  19. Sulam diz:

    19/abril/2013

    Confea cancela em definitivo acordo para facilitar reconhecimento de engenheiros portugueses

    Como revelamos aqui em Janeiro deste ano, a Confea não está disposta a facilitar a ida de engenheiros portugueses para o Brasil, por ter uma visão proteccionista do mercado de trabalho do seu país. José Tadeu da Silva, presidente da Confea, em declarações na Câmara dos Deputados considerou que o acordo para facilitar a integração de engenheiros portugueses no mercado brasileiro não daria qualquer vantagem ao mercado da engenharia no Brasil, que isso apenas iria reduzir as oportunidades dos engenheiros brasileiros em obter emprego.

    A Confea confirmou assim a posição que assumiu no 4º Congresso Ibero-Americano de Engenharia Civil, realizado no Porto no dia 15 de Março, posição essa que foi alvo de duras críticas por parte de responsáveis portugueses.

    José Tadeu da Silva explica ainda que esta posição já foi assumida perante outros países com as mesmas pretensões de Portugal no que diz respeito à exportação de engenheiros, citando como exemplo a Espanha. O presidente da Confea declarou ainda que esta é contra a “abertura do mercado de trabalho nacional à invasão de profissionais do exterior”.O acordo assinado entre a Ordem dos Engenheiros e a Confea, em final de 2011, fica assim sem qualquer efeito, tendo José Tadeu da Silva alegado que este acordo foi assinado na fase final do mandato anterior.

    A Ordem dos Engenheiros ficou assim para trás neste processo, sendo que este desfecho já era previsto há algum tempo.

    Fonte: Portal Engenharia e Construção

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *