Quanto ganha um engenheiro civil em Angola?

angolaMuita gente tem esta pergunta e se não sabe a resposta é mesmo porque a resposta não é fácil de dar.
Angola é desde há uns anos um dos destinos “preferenciais” dos engenheiros civis portugueses. Há uns anos atrás era também um dos sítios onde os portugueses eram muito bem pagos. Hoje em dia, com a enorme oferta de engenheiros os valores pagos têm-se reduzido.
Não é de estranhar que hoje haja Engenheiros Civis com Mestrado Integrado a irem trabalhar para Angola por uns míseros 1200€. Sim. É verdade. Na minha opinião, é muito pouco mesmo que seja com tudo pago lá. Não se compreende como as empresas se aproveitam da crise que Portugal atravessa.
Basicamente existem alguns factores que influenciam o salário que deve ser pago:
1- Anos de Formação
2- Função
3- Experiência
4- Desempenho profissional
Pessoalmente acho que tudo o que seja menos de 2000€ limpos (com tudo pago em Angola) nunca deveria ser proposto a um engenheiro civil mesmo que este não tenha experiência nenhuma.
No entanto percebo que alguém que ganhe 0€/mês cá vá ganhar 1200€ em Angola, assim como percebo que um que ganhe 1200€/mês cá não vá por 2000€
E vocês, que acham sobre este assunto?



6 comments

  1. Fábio diz:

    Por menos de 3000 com tudo pago não me viam la

  2. tiago diz:

    4000 com alojamento e refeicoes e por a minha vida em risco, é o mínimo

  3. Ricardo diz:

    Eu concordo que o salário bruto seja superior a 2000€ (2500$ +-). Mas acho que mesmo com crise há demasiada gente que não aceita a aventura de trabalhar em Angola.
    Quem vem para Angola, sabe que tem tudo pago e na maior parte das vezes, três viagens por ano. São custos elevadissimos. Infelizmente o nosso mercado em Portugal está saturado, mas não acho que seja um aproveitamento das empresas, até porque até prova em contrário, um recém licenciado é um investimento de risco!!

  4. Miguel diz:

    O que eu acho é que tudo depende da situação actual de cada um e não há uma resposta certa…
    A primeira vez que vim para Angola não tinha filhos, vivia numa casa alugada e tinha as despesas normais em PT (carro, saúde, etc…) – Em PT ganhava 1300€ e não juntava quase nada. Vim para Angola ganhar 3000€, com tudo o resto pago, não tinha despesas fixas em PT, consegui juntar mais de 30000€ num ano…(dá que pensar)! Quanto tempo precisaria de estar em PT para conseguir juntar isso???
    Vim novamente, e desta vez, tenho uma casa em PT para pagar, tenho mulher e um filho, e embora continue com tudo pago aqui, tenho muitas despesas fixas em PT, logo mesmo ganhando 4500€ não consigo juntar tanto…No entanto, permite-me ter e oferecer um nível de vida a mim e à minha família que quanto a mim compensa o sacrifício.
    Alguém vir para cá ganhar 1500€, mas se tiver tudo pago e poucas despesas em PT, continua a dar que pensar…pois junta num ano o que não juntaria em 5 ou em 10!
    Sem esquecer que o “tudo pago” também pode ser diferente de caso para caso.
    A casa que dão é partilhada ou é só para a pessoa? O Carro é partilhado? É de uso apenas profissional ou também pessoal? Dão um pocket-money para alimentação ou as refeições são servidas no estaleiro?…Quantas viagens pagam? Enfim…cada caso é um caso.

  5. Emanuel diz:

    Por menos de 4000 com tudo pago não punha la os pes nem morto , estou bem onde estou, por 1200 eur em angola ou 2000 ou 2500 so se fosse deficiente ou angolano pois quem é nacional trabalha sempre por qualquer coisa , por serem da terra , embora não tenham qualidade nem capacidade nenhuma desenvolvida, pois escolas e universidades la produzem fracos profissionais , aquilo ainda esta muito atrasado, conheci alguns estudantes e profissionais que diziam ter 18 ou 20 , que tinham ingles , quando perguntava algo em ingles diziam que tinham estudado , tinham boas notas mas não sabiam falar , por ai da pra tirar o nivel de ensino lá , incompetência alarmante, mas nao vai mudar nos proximos 200 anos por isso aconcelho ninguem a se meter em alhadas por la, ninguem os vai salvar ou proteger

  6. miguel domingos diz:

    agora com esta maldita crise que jes implementou, e os números elevadíssimo de chineses cá em angola esta preocupar se vale a pena continuar na engenharia civil. quase tudo parado, as obras estão todas nas mãos dos chineses, daqui a 5 anos todas as obras será dos chinês porque jes quer que as empresas façam as obras com seu dinheiro e posteriormente pagar.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *