Nacala Holdings compra Ramos Catarino

A Nacala Holdings, liderada por Gilberto Silveira Rodrigues, adquiriu 100% do capital do Grupo Ramos Catarino. Prosseguindo a política de diversificação, consolidação e crescimento do grupo de empresas com implantação à escala global a que preside, a Nacala Holdings assume simultaneamente com esta aquisição uma vocação local mais forte, já que passa a contar no seu portfólio com uma empresa de construção especializada e com provas dadas na reabilitação urbana de elevada capacidade técnica.

A origem do Grupo Catarino remonta a 1949 e a sua constituição como empresa do sector da construção civil e obras públicas data de 1979. Neste momento, o Grupo Ramos Catarino engloba um conjunto de empresas que actuam nos sectores da construção, home interior e hotel interior, tendo o seu processo de internacionalização sido iniciado em 2006, com o início da actividade em Espanha, prosseguido a partir de 2012 em França e no Reino Unido.

Em março deste ano, os irmãos Vítor e Jorge Catarino haviam readquirido uma participação de 75% na empresa ao Fundo Vallis, regressando assim ao grupo que em 2016 tinha passado a ser gerido pela estrutura criada para a recuperação de empresas do sector da construção. Pouco mais de dois meses e meio depois, a família Catarino chegou a acordo com a Nacala Holdings, detida por Gilberto Rodrigues e Pedro Antelo, respectivamente CEO e CFO do Grupo Elevo, para a alienação da totalidade do capital do grupo.

Com a entrada na Ramos Catarino, a Nacala Holdings passa a ser a proprietária do Grupo Elevo (desde setembro de 2017), da Opway (desde dezembro de 2017) e da Ramos Catarino (maio de 2018), atingindo assim um grau de especialização único em Portugal com know-how, capacidade operacional e inovação em todos os ramos da engenharia e da construção. Com uma carteira de obras de elevado valor e interesse estratégico, a Ramos Catarino é líder na recuperação dos centros históricos das cidades e vilas de Portugal, contribuindo activamente para a preservação e valorização dos seus edifícios públicos e privados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *